quarta-feira, janeiro 05, 2011

PostHeaderIcon So por hoje.

Eu mando um pote de confeites pra me livrar duma historia azeda...
Nem sempre as coisas sao como a gente pensa e imagina e, mais uma vez a gente precisa ter calma, paciencia, benevolencia e uma infinidade de virtudes pra suportar o proximo e a nos mesmos, inclusive.
Meu pai hoje, em especial, esteve " insuportavelmente " insuportavel! Nao 'e segredo pra muita gente que nao nos damos bem (por mais que eu tente!) . Mas, tambem nao me perguntem donde vem essa tempestade dele em mim porque nao sei. Fiquei sileinciosa quase toda a vida em nome dum tal respeito que me ensinaram que devia perdurar. Respeito esse que so existia ou existe - sei la! -apenas da minha parte. Mas, o meu copo tambem enche! Silenciar 'e uma objecao; engolir sapos faz , irremediavelmente, um mau carater - inclusive estraga o estomago... Todos aqueles que silenciam sao dispepticos. E eu preciso me poupar! As vivencias atingem fundo demais e a recordacao 'e uma ferida purulenta. Estar doente 'e uma especie de magoa em si.
Hoje 'e um dia em que me sinto furiosa e arrasada. Eu queria que alguem se atrevesse a me censurar para que eu pudesse transpassa-lo com um punhal, se eu visse sangue ficaria melhor. Ah, empunhei varias vezes um punhal para fazer este coracao massacrado. Conta-se duma raca nobre de cavalos que, quando acossados e assustados, por INSTINTO mordem uma de suas proprias veias, para ganhar folego. Se passa isso comigo, hoje: eu gostaria de abrir uma veia que me proporcionasse liberdade eterna. Preciso atravessar dum lado para outro.
Nao sou, nem de longe, um bicho-papao, um monstro moral - eu, inclusive sou uma natureza contraria a esse tipo de gente que ate hoje foi venerada como virtuosa. Mas,os velhos idolos tem pes de barro...

3 comentários:

Debora Rocha Muscutt. disse...

Elis! Há dias em que não tem jeito, temos que abrir nossas emoções, extravasar de alguma maneira...como eu te entendo! Em breve passará e vc vai sentir-se melhor, mas por ora, é isso mesmo e, lembre-se, depois da tempestade vem a bonança.
Bjs

Adriana disse...

Ola minha amiga, serenidade e a palavra chave....calar as vezes faz nossos coraçoes sangrarem e chega um momento que temos que explotar, tudo faz parte do nosso crescimento, do nosso aprendizado espiritual. Muita força e muitas energias positivas. Um grande beijo

Mari Biddle disse...

Oi, Elis, tem alguém te deixando doente? Não interessa quem seja e que a culpa católica te impeça de ver que a gente não escolhe a familia. A gente escolhe os amigos. Não deixe gente do mal te machucar. Você já atravessou tantos caminhos, é uma adulta e tenho certeza que nunca viveu numa redoma de vidro - então, não engula os desaforos. Confrote ou fuja dos ataques mas não engula porque vão te adoecer.

Espero muitíssimo que você fique bem.

BJS

Minhas fotos

www.flickr.com

About Me

Minha foto
Elis
Joao Pessoa -, PB e Illinois, United States
Visualizar meu perfil completo
http://meiroca.blogspot.com/. Tecnologia do Blogger.

eXTReMe Tracker

Quote of the Day

more Quotes

Seguidores

Tradutor

Blog Archive

Páginas